Notícias

José Wellington é reeleito presidente da Assembleia de Deus - 05/07/2013

G1 - DF (g1.globo.com)
Com 9.003 votos, pastor continua √† frente da igreja por mais quatro anos. Wellington venceu o pastor Samuel C√Ęmara, que teve 7.407 votos.
 
O pastor José Wellington foi reeleito presidente da Assembleia de Deus, com 9.003 votos. A elei√ß√£o foi realizada nesta quinta-feira (11), em Bras√≠lia. H√° 22 anos no cargo, Wellington vai chefiar a maior denomina√ß√£o evangélica do pa√≠s pelos pr√≥ximos quatro anos.
José Wellington, de S√£o Paulo, disputou a elei√ß√£o com Samuel C√Ęmara, de Belém do Par√°, que disputou o posto pela terceira vez. Ao todo, foram 16.747 votos, sendo 7.407 para C√Ęmara, 162 em branco e 175 nulos Foi a segunda vez, em 12 anos, que a escolha do presidente da Assembleia de Deus aconteceu em Bras√≠lia
A elei√ß√£o foi realizada no Pavilh√£o de Exposi√ß√Ķes do Parque da Cidade. A conven√ß√£o geral come√ßou no dia 8 e se encerra nesta sexta (12), prazo m√°ximo para divulga√ß√£o do resultado da vota√ß√£o. A cerim√īnia de posse do eleito vai ser realizada ainda no √ļltimo dia do evento.
A Assembleia de Deus tem cerca de 12 milh√Ķes de fiéis e um patrim√īnio que inclui uma editora, uma funda√ß√£o educacional, hospitais e creches. Além da elei√ß√£o, durante o encontro s√£o promovidos estudos b√≠blicos e cultos, estes √ļltimos aberto ao p√ļblico em geral.
Marco Feliciano
O pastor da Assembleia de Deus e presidente da Comiss√£o de Direitos Humanos da C√Ęmara dos Deputados, Marco Feliciano (PSC), fez uma r√°pida visita ao evento para participar da vota√ß√£o da presid√™ncia da igreja. Ele chegou no Pavilh√£o de Exposi√ß√Ķes do Parque da Cidade por volta das 12h20 desta quinta.
Feliciano visitou o estande da editora da Assembleia no local e posou para fotos ao lado dos fiéis.

Para o pastor da Assembleia de Deus em Salvador (BA) Miguel Pereira, a conven√ß√£o geral, que acontece a cada dois anos, é importante para unir os membros, trocar experi√™ncias e tra√ßar os rumos da denomina√ß√£o para os pr√≥ximos anos.

"É sempre bom se reunir, encontrar velhos amigos de outros estados e ver a movimenta√ß√£o. A vota√ß√£o é feita de maneira democr√°tica, com liberdade de express√£o. É muito bonito ver isso", disse.